fbpx

Plug-in WordPress e Wix para monitorar a experiência do usuário em tempo real

Monitore o desempenho de seus sites construídos em WordPress e Wix usando Site24x7 Real User Monitoring (RUM). Reúna insights sobre seu desempenho de front-end em várias geografias, dispositivos e navegadores. Solucione problemas facilmente identificando erros de JS e otimize a experiência do usuário final.

Passos para instalar o plugin:

  • Faça login em sua conta do WordPress e navegue até Admin> Plugins.
  • Procure o plug-in RUM Site24x7.
  • Clique em Instalar agora e em Ativar .
  • Clique no link Página de configuração do Site24x7 e cole sua chave RUM , obtida do console do Site24x7 (Site24x7> RUM> Aplicativo RUM> Copiar Webscript> RUMkey).  
  • Escolha seu data center (DC) preferido e clique em Salvar alterações .

Como alternativa, você pode baixar manualmente o plug-in RUM Site24x7 e instalá-lo.

  • Vá para o WordPress e baixe o plugin .
  • Extraia o arquivo ZIP baixado para a pasta WordPress Plugins (por exemplo, wp-content / plugins).
  • Instale e ative o plugin.
  • Clique no link Página de configuração do Site24x7 e cole sua chave RUM , obtida do console do Site24x7 (Site24x7> RUM> Aplicativo RUM> Copiar Webscript> chave RUM).
  • Escolha seu data center (DC) preferido e clique em Salvar alterações.

Inicie uma avaliação gratuita de 30 dias contando sempre com o apoio da equipe ACSoftware! Clique já no botão abaixo.

ACSoftware / Figo Software seu Distribuidor e Revenda ManageEngine no Brasil

Fone (11) 4063 1007 – Vendas (11) 4063 9639

Computação sem servidor: o que, por que e por que não

Tradicionalmente, os aplicativos são executados em servidores, que precisam ser monitorados de perto para garantir que não haja impedimentos na produção. No caso da computação sem servidor, você não precisa mais gerenciar servidores, pois o ônus recai sobre os provedores de serviços em nuvem. Leia para descobrir mais sobre a computação sem servidor, incluindo algumas de suas vantagens e desvantagens.

Então, o que realmente é computação sem servidor?

A computação sem servidor, geralmente reduzida para sem servidor e também conhecida como Função como Serviço (FaaS), é um modelo em que o provedor de nuvem gerencia dinamicamente a alocação e provisionamento de servidores. Nesta configuração, os aplicativos são executados em contêineres acionados com base na ocorrência de um evento específico.

O modelo sem servidor enfatiza aplicativos em vez de infraestrutura. Na arquitetura sem servidor, o usuário tem a vantagem de escrever e implantar código sem se preocupar com a infraestrutura subjacente. Nesse modelo de entrega, os aplicativos são divididos em funções e podem ser chamados e dimensionados individualmente.

Como a computação sem servidor funciona

Sem servidor é FaaS, então é diferente de PaaS?

Plataforma como serviço (PaaS) é sinônimo de sem servidor em muitos aspectos, especialmente em termos de eliminar a necessidade de gerenciar o hardware ou software do servidor. A principal diferença está no método de aplicativos que estão sendo compostos e implantados. No PaaS, os aplicativos são implantados em uma única unidade e dimensionados em todo o nível do aplicativo. Enquanto no FaaS, os aplicativos são compostos por funções autônomas individuais e cada função é hospedada por um provedor de serviços em nuvem. Uma função pode ser dimensionada dependendo de quantas chamadas são feitas para ela.

Alguns benefícios do modelo sem servidor

Custo-benefício: A computação sem servidor é econômica, pois segue o modelo de pagamento conforme o uso. Você paga apenas pelas instâncias quando sua função é invocada.

Escalabilidade simplificada: Os desenvolvedores que trabalham na arquitetura sem servidor não precisam se preocupar em aderir às políticas ao modificar seu código para aumentar os recursos, pois o provedor de serviços lida com o dimensionamento.

Agilidade do processo: O tempo de lançamento no mercado é drasticamente reduzido ao usar o modelo sem servidor, pois a distribuição é dividida em unidades implementáveis ​​menores, e isso permite que os desenvolvedores façam alterações rápidas.

Custos operacionais reduzidos: Como não há servidores físicos e o dimensionamento, aplicação de patches ou manutenção da infraestrutura de back-end é tratado pelo provedor de nuvem, o servidor sem servidor ajuda as organizações a reduzir seus gastos operacionais.

O conceito de computação sem servidor é empolgante, mas esse modelo tem algumas limitações e não se encaixa em todas as organizações. A principal consideração para as empresas ao selecionar um modelo de entrega específico deve ser os requisitos de negócios e não apenas qualquer tecnologia que esteja em alta.

Complexidades que acompanham o modelo

Erros de negação de serviço: Alguns provedores de serviços em nuvem têm um limite em relação ao número de vezes que uma função pode ser executada. Se a contagem de execução exceder o limite definido, isso resultará em um erro.

Nem sempre é fácil de usar: Se um aplicativo em particular não tiver um desempenho ideal, isso resultará em problemas de desempenho, aumentando o uso de recursos e resultando em custos mais altos.

Bloqueio de fornecedor: Quando você alterna funções de um provedor de serviços em nuvem para outro, torna-se cada vez mais complexo gerenciá-las e monitorá-las.

Monitoramento de ponta a ponta da arquitetura sem servidor

Com o Site24x7, você pode monitorar a saúde e o desempenho de todos os seus recursos de computação em nuvem e obter uma visibilidade profunda do desempenho da plataforma FaaS sem servidor, como Azure Functions, AWS Lambda e Google Cloud Functions. Você pode configurar a descoberta automática e adicionar funções ao seu portfólio de monitoramento com um único clique, configurar alertas para acompanhar os problemas de desempenho e obter visibilidade em tempo real do uso e desempenho sem servidor. Pague pelo que você monitora e dimensione automaticamente seus monitores para cima ou para baixo em sincronia com o requisito de suas funções. Inscreva-se para uma avaliação gratuita de 30 dias e comece a monitorar a infraestrutura de TI da sua empresa a partir de um único console.


Se você é uma empresa de pequeno porte e está lutando para lidar com a pandemia do COVID-19, reunimos algumas iniciativas para ajudá-lo a enfrentar esta crise.

ACSoftware / Figo Software seu Distribuidor e Revenda ManageEngine no Brasil

Fone (11) 4063 1007 – Vendas (11) 4063 9639

Gerenciamento de logs: a chave para a agregação centralizada de logs e a solução fácil de problemas

Um grande número de violações de segurança está afetando as verticais do setor, incluindo bancos, serviços financeiros e seguros, telecomunicações e hospitalidade, por isso há uma crescente necessidade de organizações fortalecerem sua infraestrutura contra essas ameaças. Por exemplo, quando a T-Mobile identificou a invasão e o acesso não autorizado a seus dados confidenciais em 2019, os detalhes de seus clientes e funcionários já haviam sido roubados por hackers.

De acordo com um estudo da Universidade de Maryland, os hackers atacam a cada 39 segundos – 2.244 vezes por dia – com o custo médio de uma violação de dados atingindo US $ 3,92 milhões a partir de 2019, conforme Inteligência de Segurança. Embora as organizações não possam ser completamente imunes a esses ataques, a implementação de algumas medidas preventivas para identificar e remediar o problema quando ocorrerem ajudará a minimizar os danos. 

É importante gerenciar arquivos de log que armazenam qualquer evento na rede de infraestrutura de uma empresa com um carimbo de data e hora. Os arquivos de logs não apenas atuam como uma medida de controle de segurança para rastrear atividades anormais, como também registram o comportamento geral de um aplicativo. Com os logs sendo um dos três pilares da observabilidade, é crucial ter uma ferramenta de gerenciamento de logs que colete, armazene e agregue logs de vários servidores e aplicativos criados em plataformas diferentes. O AppLogs do  Site24x7 ajuda você a obter essa visibilidade incomparável. 

Assista a este vídeo para saber como: 


ACSoftware / Figo Software seu Distribuidor e Revenda ManageEngine no Brasil

Fone (11) 4063 1007 – Vendas (11) 4063 9639

Acelere a resolução de tíquetes com automações do ServiceDesk Plus + Site24x7

Ajudar as empresas a oferecer uma experiência perfeita ao cliente e garantir que o tempo de inatividade zero, sempre tenha sido um aspecto essencial do ManageEngine ServiceDesk Plus. Uma das poderosas integrações desta solução de service desk é com o Site24x7, em que os tickets são registrados para alertas específicos do Site24x7, como Problema, Crítico e Inativo. Depois que os incidentes são resolvidos no Site24x7, seus tickets associados são fechados automaticamente no ServiceDesk Plus. Além disso, esses tickets podem ser designados para técnicos específicos, agilizando ainda mais a resolução de incidentes.

Etapas de automação
Embora essa integração simples no nível da API permita que as equipes de TI resolvam problemas muito mais rapidamente, aumente a produtividade da equipe de TI e melhore a satisfação do usuário final, o processo de resolução de tickets ainda precisa ser feito manualmente. É por isso que elevamos essa integração ao próximo nível, trazendo o suporte à automação de TI do Site24x7. Com isso, os tickets podem ser resolvidos automaticamente, reduzindo ainda mais o tempo de resolução e aumentando a eficiência e a produtividade.

Considere o caso em que um técnico recebe um ticket sobre a limpeza de logs antigos em servidores de banco de dados como MySQL ou Cassandra. O login manual nesses servidores de banco de dados consome uma quantidade considerável de tempo. Com o Server Script, uma ferramenta de automação de TI no Site24x7, o técnico pode associar um script a um ticket ou modelo para automatizar a limpeza de logs. Automatizações semelhantes também podem ser executadas para reiniciar serviços e sistemas de reinicialização, economizando tempo e eliminando quaisquer erros que possam ocorrer devido à intervenção manual. Graças a essa integração, os técnicos podem se concentrar em operações críticas para os negócios, em vez de dedicar seu tempo a tarefas manuais e repetitivas.

Com a tecnologia em nuvem se tornando a norma, os administradores de TI precisam monitorar os aplicativos dinâmicos na nuvem, além dos recursos locais de sua organização. Com o Invoke URL, outra ferramenta de automação no Site24x7, os administradores podem automatizar as alterações de atributos, reiniciar qualquer aplicativo na nuvem e chamar o AWS EC2 ou uma VM do Azure com facilidade. Além de monitorar os serviços de nuvem pública e privada, sua restauração também se torna mais simples com a integração Site24x7-ServiceDesk Plus.

Integração: Primeiros passos
Então, como eu começo? 

Se você já estiver usando a integração Site24x7-ServiceDesk Plus, os perfis de automação de TI já presentes na sua conta Site24x7 serão listados no portal do ServiceDesk Plus. Selecione a automação que deseja executar e associe-a a um modelo de incidente no ServiceDesk Plus.

Por exemplo, se você tiver um script de servidor para limpar automaticamente os logs, poderá associá-lo a um modelo de incidente, como Excluir Logs. Agora, quando um novo ticket é criado usando esse modelo, essa automação será automaticamente listada em Ações personalizadas no portal ServiceDesk Plus. Apenas selecionar essa automação executa a ação necessária, totalizando uma resolução de ticket sem complicações. O status dessas automações também pode ser visto no portal em Notas.

Novo no Site24x7? Inscreva-se para uma avaliação gratuita de 30 dias, conclua a integração em uma única etapa e administre seu sistema de emissão de bilhetes de TI em qualquer lugar. Além disso, confira nossa lista crescente de recursos de monitoramento, incluindo suporte para sites, servidores, aplicativos e ambientes com várias nuvens.

ACSoftware / Figo Software seu Distribuidor e Revenda ManageEngine no Brasil

Fone (11) 4063 1007 – Vendas (11) 4063 9639